Psoríase acomete mais de 2,6 milhões de pessoas

Psoríase acomete mais de 2,6 milhões de pessoas

Hoje, no dia 29 de outubro, comemoramos o Dia Mundial da Psoríase, uma doença que acomete cerca de 2,6 milhões de pessoas, segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia. É uma doença que causa muito sofrimento psíquico e físico para os seus portadores.

O que é a psoríase?

É uma doença autoimone e crônica, cercada de preconceito. Como afeta a autoestima também pode gerar alguns transtornos psiquiátricos.

Caracteriza-se por placas vermelhas que descamam em até 60% dos casos e também pode atingir as articulações. Na psoríase, as células da pele se acumulam e formam escamas e manchas secas que causam coceira. A doença não é contagiosa e á autoimune.

Até hoje não se sabe a causa da psoríase, acredita-se que a psoríase seja um problema do sistema imunológico. Os gatilhos incluem infecções, estresse e frio.

Quais são os principais sintomas da psoríase?

O sintoma mais comum é uma irritação na pele, mas, às vezes, a erupção envolve as unhas ou as articulações.

Outros sintomas:

– Manchas vermelhas com escamas secas esbranquiçadas ou prateadas;
– Pequenas manchas brancas ou escuras residuais pós lesões;
– Pele ressecada e rachada; às vezes, com sangramento;
– Coceira, queimação e dor;
– Unhas grossas, sulcadas, descoladas e com depressões puntiformes;
– Inchaço e rigidez nas articulações.

Quais os tratamentos para a psoríase?

O tratamento visa remover as escamas e impedir que as células da pele cresçam tão rapidamente. Pomadas, terapia de luz, incluindo sessões de luz pulsada, e medicamentos podem oferecer alívio.

Na Sul Laser oferecemos o equipamento de luz pulsada com a tecnologia IPL-SQ, que auxilia no alívio das inflamações. Conheça mais sobre esta tecnologia aqui. https://sullaser.com.br/produto/etherea-mx-iplsq/

×