Síndrome das Unhas Frágeis atinge 20% das mulheres

Síndrome das Unhas Frágeis atinge 20% das mulheres

A Síndrome das Unhas Frágeis é uma queixa muito comum nos consultórios e afeta cerca de 20% da população, sendo mais recorrente nas mulheres e ocorre por aumento da fragilidade da lâmina ungueal.

Principais fatores

– pessoas que deixam a unha muito úmida, ou que trabalham com água, que usam muito produtos de limpeza, tem uma piora da fragilidade da lâmina ungueal;

– traumas repetitivos também podem ocasionar unhas frágeis;

– doenças sistêmicas como disfunções na tireoide, diabetes, deficiência circulatória ou até mesmo anemia, podem se manifestar como unhas frágeis;

– uso de produtos com acetonas ou formaldeídos também podem ocasionar a Síndrome das unhas frágeis;

– doenças dermatológicas podem parecer unhas frágeis e se manifestar na unha. Alguns exemplos: onicomicoses, psoríase e líquen plano;

Cuidados

– Diminuir a exposição excessiva das unhas à agua;

– Diminuir a exposição a produtos de limpeza por meio do uso de luvas de borracha;

– Não retirar a cutícula para evitar inflamações. Se for esmaltar a unha, o ideal é ficar um a dois dias na semana sem esmalte para fazer uma melhor hidratação;

– Quando for retirar o esmalte, utilizar removedores sem acetona;

– Não lixar a parte de cima da unha, pois isso prejudica a sua barreira natural de proteção;

– Fazer uma hidratação adequada várias vezes ao dia.

De acordo com a médica dermatologista Adriana Matter, os fortalecedores de unha só devem ser usados os que não possuem formol em sua fórmula. “Ele prejudica a hidratação da lâmina ungueal e favorece a descamação lamelar e todos os sintomas associados a unhas frágeis”, explica.

Outra orientação dada pela médica é não retirar a cutícula quando for à manicure. “para quem gosta de retirar a cutícula a dica que eu dou é usar aqueles amolecedores de cutícula e apenas empurrar com a espátula, tirar apenas o excesso. Não é bom retirar aquela cutícula profunda tem o risco de fazer cortes, machucar e também de predispor inflamações e infecções”, alerta.

Onicomicose

Na Sul Laser a tecnologia usada para tratamento da Onicomicose é o laser Long Pulse.

Esse tratamento combate 8 tipos de onicomicose das unhas das mãos e pés. São indicadas de 8 a 12 sessões, dependendo do grau de acometimento da unha a ser tratada. O tratamento é indolor, com sensação de aquecimento leve no local de aplicação do laser.

O cuidado pós-tratamento é com a higienização de meias e sapatos, além da possibilidade de indicação de medicação de uso tópico. Não há período de recuperação, podendo voltar às atividades normais logo após o tratamento.

Saiba mais sobre o tratamento aqui.

×